Além do hype: como a IA está impactando os sistemas de qualidade nas empresas farmacêuticas atualmente?

AI in Pharma

Todos nós sabemos e já ouvimos milhares de vezes que a Inteligência Artificial (IA) é uma tecnologia transformadora com o potencial de revolucionar “a maneira como fazemos as coisas” em todos os setores e funções. Nesta postagem, meu objetivo é acabar com o hype e ir mais fundo para entender os impactos tangíveis e mais imediatos da IA, especificamente em relação aos sistemas de qualidade nas empresas farmacêuticas.

Embora os possíveis impactos de longo prazo em áreas como descoberta de medicamentos, chatbots médicos e medicina personalizada frequentemente ganhem as manchetes, muito disso ainda está no futuro. É no gerenciamento da qualidade que já estamos vendo a IA fazer uma diferença significativa no setor farmacêutico. Aqui estão as áreas funcionais específicas em que o impacto está sendo mais sentido.

Integridade e conformidade de dados aprimoradas

Um dos impactos mais imediatos e inegáveis da IA no setor farmacêutico é o aprimoramento da integridade e da conformidade dos dados. As ferramentas de IA são muito boas para identificar erros e exceções. Como os órgãos reguladores, como a FDA e a EMA, têm requisitos rigorosos de precisão e rastreabilidade de dados, essa capacidade já está amplamente implantada.

As ferramentas com tecnologia de IA podem monitorar continuamente os fluxos de dados de várias fontes – como processos de fabricação, testes clínicos ou ambientes de laboratório – e procurar anomalias. Eles fazem isso usando algoritmos avançados para sinalizar possíveis erros e garantir que os dados permaneçam consistentes e confiáveis.

Por exemplo, a IA pode automatizar a análise de registros de lotes e cadernos de laboratório, reduzindo o tempo e o esforço necessários para inspeções manuais. Ao empregar o processamento de linguagem natural (NLP), os sistemas de IA podem analisar e verificar a precisão dos dados textuais, identificando discrepâncias que os revisores humanos podem ignorar. Isso não apenas acelera o processo, mas também aumenta a confiabilidade das medidas de controle de qualidade em vigor.

Manutenção preditiva e redução do tempo de inatividade

Uma segunda área em que a IA já está causando impacto é o uso de recursos de análise preditiva na manutenção de equipamentos.

A qualidade na fabricação de produtos farmacêuticos depende muito do desempenho consistente do maquinário. As programações de manutenção tradicionais, geralmente baseadas em intervalos fixos, podem levar a paradas desnecessárias ou a falhas inesperadas nos equipamentos, o que pode comprometer a qualidade.

Por outro lado, ao analisar dados históricos e identificar padrões nos dados capturados do equipamento, a IA pode prever quando um equipamento provavelmente falhará ou precisará de manutenção. Essa abordagem de manutenção preditiva garante que as intervenções sejam feitas na hora certa – antes que ocorra qualquer falha e sem tempo de inatividade desnecessário. Como resultado, as empresas farmacêuticas podem manter o desempenho ideal do equipamento, garantindo a qualidade consistente do produto e a conformidade com os padrões regulatórios.

Monitoramento de qualidade em tempo real

Uma área relacionada em que a IA está causando um impacto significativo é o monitoramento da qualidade em tempo real. O processo de fabricação de produtos farmacêuticos envolve vários pontos de controle críticos em que a qualidade precisa ser garantida. Os métodos tradicionais geralmente dependem de amostragem periódica e testes off-line, o que leva a atrasos na identificação e no tratamento de problemas de qualidade.

Os sistemas orientados por IA, no entanto, podem aproveitar a capacidade de monitorar continuamente os processos de produção em tempo real. Usando sensores e análises avançadas, esses sistemas podem detectar instantaneamente desvios dos parâmetros de qualidade estabelecidos. Esse monitoramento em tempo real permite ações corretivas imediatas, interrompendo a produção, minimizando a produção de produtos fora de especificação e reduzindo o desperdício.

Documentação simplificada e envios regulamentares

Como o setor farmacêutico é notoriamente pesado em termos de documentação, com registros extensos exigidos para envios regulamentares e garantia de qualidade, a IA tem um papel significativo a desempenhar na simplificação dos processos de documentação.

Uma maneira de fazer isso é automatizando a geração e o gerenciamento de relatórios e resumos. A IA pode reunir dados de várias fontes usando algoritmos de aprendizado de máquina, organizá-los de forma coerente e gerar relatórios abrangentes que atendam aos requisitos regulamentares.

Essa automação reduz o tempo e o esforço envolvidos na preparação da documentação e minimiza o risco de erro humano. Como resultado, as empresas farmacêuticas estão acelerando suas submissões regulatórias, colocando os produtos no mercado mais rapidamente e garantindo a conformidade com todas as regulamentações necessárias.

Gerenciamento aprimorado da qualidade do fornecedor

A IA também tem um impacto no gerenciamento da qualidade das matérias-primas e dos componentes adquiridos dos fornecedores. A IA pode aprimorar o gerenciamento da qualidade do fornecedor analisando dados históricos de desempenho e monitorando as atividades contínuas do fornecedor. Ao avaliar tendências e identificar possíveis riscos, os sistemas de IA podem ajudar as empresas farmacêuticas a tomar decisões informadas sobre suas cadeias de suprimentos.

Por exemplo, se o sistema detectar um padrão de problemas relacionados a um fornecedor – um padrão que um ser humano pode não discernir – uma função baseada em IA pode sinalizar isso e sugerir mudanças no processo ou até mesmo fornecedores alternativos com melhores registros de desempenho. Além disso, a IA pode monitorar dados em tempo real dos fornecedores para garantir que os materiais recebidos atendam aos padrões de qualidade exigidos, evitando assim problemas de qualidade antes que eles afetem o processo de fabricação.

A IA já está causando um impacto real na qualidade farmacêutica

Embora possa ser difícil ignorar a propaganda em torno do potencial da IA no setor farmacêutico, seus impactos mais imediatos e inegáveis já estão sendo sentidos no âmbito dos sistemas de qualidade.

Desde o aprimoramento da integridade e da conformidade dos dados até a manutenção preditiva, o monitoramento em tempo real, a documentação simplificada e o gerenciamento aprimorado de fornecedores, a IA já está transformando a forma como as empresas farmacêuticas garantem a qualidade.

No entanto, aproveitar esses recursos pode ser um desafio para empresas farmacêuticas menores e em crescimento. É por isso que a Scigeniq está integrando esses recursos aos produtos que fornecemos aos clientes. Como fornecedor de soluções de software para empresas farmacêuticas em crescimento em mercados emergentes, procuramos maneiras de garantir que todos os componentes de seus sistemas de qualidade, gerenciamento de documentos e regulatórios trabalhem em conjunto com a nova geração de recursos de IA para proporcionar o máximo impacto em seus negócios.